Brasil é 4º em ranking de produtores de lixo eletrônico

da BBC Brasil


O Brasil subiu uma posição e se tornou o quarto maior produtor de spam do mundo, indica uma pesquisa divulgada nesta semana pela empresa de segurança de internet Sophos.
Em outubro, o Brasil ocupava a quinta posição, responsável por 3,7% de todo o lixo eletrônico enviado no mundo. No novo ranking dos 12 países que mais produzem spam no mundo, elaborado com base em análises de dados colhidos entre outubro e dezembro de 2007, o Brasil subiu para a quarta colocação.
A pesquisa diz que 4% dos spams no mundo foram enviados de computadores registrados no país.
A pesquisa, que analisou o número de mensagens não solicitadas enviadas por computadores infectados, revelou um aumento significativo de spams sendo enviados de máquinas na Rússia. O país ficou em segundo lugar no ranking, responsável por 8,3% dos spams --o que equivale a um em cada 12 spams enviados no mundo.

Um comentário:

Henrique disse...

ah, mais um pouco e entramos no pódio então.. realmente, o que não falta é spam..

Vc falou que é Souza.. mas minha mãe é Silva haha.. sua família tem raízes em Curitiba ou tá há pouco tempo por aqui? Se tiver um ramo por aqui há mais gerações, posso ajudar.